APRESENTAÇÃO

O XIII Festival Internacional de Música de Campina Grande e o 6º FIMUS Jazz, uma realização da Fundação Parque Tecnológico da Paraíba, Universidade Federal de Campina Grande e Affins Produções, acontecem de 1 a 10 de julho. A novidade deste ano é a parceria com o IX Festival Internacional de Teatro e Artes Performativas (FITAP), promovido pela Associação Mundis, de Portugal.

Nesta edição híbrida, teremos atividades remotas e presenciais em Campina Grande, Cuité, Sousa, Cajazeiras, Uiraúna e em território lusitano. A programação abre com Maestro Spok e Quinteto da Paraíba, com um show que conta a história do frevo, e segue com Amigos da Big Band, Jerimum Jazz, Cordas e Sopros, Orquestra de Câmara da UFCG, Orquestra Sinfônica da UFPB e Coro de Câmara de Campina Grande. Além desses, Johnson Machado, Ana Lúcia Gaborim, Pieter Rahmeier, Romero Damião, Jean Márcio Sousa, Leonardo Margutti, Son Melo, Anderson Beltrão e Hammurábi Ferreira também integram o corpo artístico e pedagógico do FIMUS.

Na Série Jovens Talentos, premiada pela Secretaria de Estado da Cultura por meio da Lei Aldir Blanc, teremos Éwerson Carvalho, Quinteto de Sopros José Siqueira, Paraibrass, Duo Acalanto e Uaná Barreto. Os grupos selecionados interpretarão programas com música brasileira, contemplando, no mínimo, uma peça de compositor (a) paraibano (a) e uma estreia, totalizando mais de dez composições inéditas nesta edição do FIMUS, incluindo peças de autores (as) consagrados (as), bem como novos nomes.

No campo das artes midiáticas, nos recitais de Laiana Oliveira e do francês Rémy Reber, teremos, respectivamente, música atual para voz solo, guitarra elétrica e equipamentos eletrônicos. O programa que Laiana apresentará, Música por mulheres, é quase todo dedicado às obras de compositoras brasileiras. Além disso, um curso específico de Arte Eletrônica será ministrado por Eric Marke. Essa iniciativa, que reforça a vocação de Campina Grande e do FIMUS no campo da inovação, justifica a presença da Rainha da Borborema na rede de Cidades Criativas da UNESCO.

Graças às parcerias, realizaremos uma atividade que contribuirá para mudar o panorama do canto coral em nossa cidade. Por meio do Projeto Um Novo Olhar, vamos receber Juliana Melleiro e Silmara Drezza, que ministrarão um curso de regência e técnica vocal voltado para o trabalho com crianças, dentro da retomada dos Paineis FUNARTE-UFRJ de Regência Coral. As duas, que são especialistas nessa área, trabalharão aspectos teóricos e práticos e, ao final, farão um concerto com o Coro Infantil de Campina Grande, uma parceria UFCG-PMCG. É  por conta dessa cooperação intercontinental que igualmente receberemos Gil Mabota e Mauro Muhera (Universidade Eduardo Mondlane - Moçambique), Jacob Dalager (New Mexico State University - EUA), Kathya Kharlampovich (Rússia), João Ricardo Barros de Oliveira e a Orquestra de Jazz do Douro (Portugal).

Nosso reencontro, após longo e forçado distanciamento físico, será, portanto, em ritmo de festa, na última semana d’O Maior São João do Mundo, no clima frio e chuvoso que invade o horizonte nessa época do ano.

Sejam bem-vindos (as). E que nosso reencontro seja pleno!

Carlos Alan Peres da Silva
DIRETOR GERAL

Vladimir Silva
DIRETOR ARTÍSTICO

FICHA TÉCNICA

Direção geral e produção: Carlos Alan Peres

Direção artística e produção: Vladimir Silva

Direção Técnica: Giórgia Cruz

Assistente de Direção: Vinicius Silva

Assistente de Produção: Lucas Nascimento, Camila Gurjão

Coordenação de Comunicação e Mídias Sociais: Itiel Almeida

Coordenação de Fotografia: Marcos Vinicius Cacho

Coordenação de Cerimonial: João Moares

Coordenação de Camarins: Dione Bezerra

Coordenação de Palco: Ygor Farias

Coordenação de Oficinas: Rafaela Costa

Coordenação de Áudio: Ralmon Sousa

Coordenação de Transporte: Mateus Marques

Design gráfico: Phillipe Xadai

Asset 4.png
Asset 9.png
Asset 8_edited.png

DE 1 A 10 DE JULHO DE 2022

CAMPINA GRANDE
CUITÉ - SOUSA
CAJAZEIRAS - UIRAÚNA

Asset 7.png
Asset 6.png

FIMUS
JAZZ